quarta-feira, outubro 22, 2008

BLAH, BLAH, BLAH...
SEMPRE OUVI DIZER QUE É CONVERSANDO QUE A GENTE SE ENTENDE, OU EM PORTUGUÊS DE PORTUGAL, "A CONVERSAR QUE NOS ENTENDEMOS"... MAS NÃO SEI.
OUVIR DIZER É UMA COISA, FAZER É OUTRA.
DIFÍCIL VIVER ASSIM. BLAH, BLAH, BLAH...